Uniprime Alliance
Internet Banking
Educação Financeira

Palestra Conjuntura Econômica – com José Pio Martins

“Cenário Brasil – conjuntura econômica”. Este foi o tema da palestra proferida na noite desta terça-feira, em Cascavel, e programada para as 19h30 desta quarta-feira, no Hotel Viale em Foz do Iguaçu, pelo reitor da Universidade Positivo, José Pio Martins. Na plateia, os Cooperados da Uniprime Oeste do Paraná comemoraram os 18 anos de atuação da cooperativa de crédito.

Segundo o presidente do Conselho de Administração da Uniprime Oeste, o médico Hirofumi Uyeda, o evento integra amplo programa Educação Financeira, por meio do qual a Cooperativa procura oferecer ferramentas para o sucesso pessoal e empresarial de seus associados.

Buscar as respostas
Economista e autor de dois livros sobre educação financeira, Pio Martins definiu o cenário econômico brasileiro como pouco animador. Segundo ele, as metas estabelecidas pelo governo em relação ao PIB e taxa de investimentos não serão atingidas. O país deveria investir algo em torno de 25% do PIB, mas não chegará a 17% este ano. A inflação deve passar dos 9% ao ano e a taxa Selic irá além dos 14%.

Além de abordar aspectos macroeconômicos, o palestrante deteve-se em apontar caminhos para o sucesso econômico das pessoas. “Não costumo dar conselhos sobre investimentos pessoais, porque não existe uma receita única. As finanças pessoais dizem respeito a um plano para a vida, que tem a ver com a forma como ganha, como gasta e como conserva ou investe o dinheiro. A resposta às perguntas e um conhecimento mínimo é que vão definir um bom plano de investimentos. Não adianta buscar atalhos, pedindo conselhos e dicas de investimento”, disse.

Indicadores de saúde
Com 2.852 Cooperados, duas agências em Cascavel e outras duas em Foz do Iguaçu, a Uniprime Oeste do Paraná registra indicadores extremamente saudáveis. Entre eles, destacam-se os índices de 42,10% de rentabilidade sobre o capital, 22,47% de eficiência e registra ainda inadimplência de apenas 0,77%. As sobras líquidas do exercício 2014 alcançaram R$ 6.679.501,36, contra R$ 3.700.887,49 no exercício 2013. Acatando a sugestão do Conselho de Administração da Uniprime, os associados decidiram no final de março que os valores de R$ 5.424.835,76 fossem creditados à conta-corrente dos Cooperados, o que aconteceu já no dia 02 de abril.

“Com isto, retribuímos e valorizamos a participação efetiva”, diz o presidente Hirofumi Uyeda, explicando que a devolução ocorreu em percentuais diferentes para cada tipo de operação. Embora os valores sejam variáveis e proporcionais à movimentação de cada um, eles corresponderam a uma média de R$ 3.584,00 por associado.

 

Voltar